Seguimos atendendo aos cuidados próprios deste tempo de pandemia que ainda enfrentamos.

Guardaremos e cultivaremos a memória de nossa Fundadora, como um tesouro para o nosso Carisma e para Igreja.

É um tempo oportuno para alcançar os favores dos céus, revestindo-se da "armadura de Deus"

Possamos ser nutridos da mesma fé e do mesmo amor que moviam seu coração.

Vivemos nossa vida neste mundo com os pés que caminham rumo à meta segura do céu.

"Combati o bom combate, terminei a minha carreira, guardei a fé."

Assim como o trigo que morre para poder multiplicar a vida que carrega dentro de si, somos também chamados a um lugar de morte.

Comunicamos com profundo pesar, o falecimento de nossa amada Fundadora, Edvânia Marinho

A mesma coragem e ousadia somos convidados a ter, pois o mesmo é o Espírito que age em nós e que conduz a Igreja até os dias de hoje.

Somos testemunho da fidelidade de Deus em todas as circunstâncias.