Em meio às tantas adversidades que a humanidade enfrenta em 2020, o Brasil está recebendo, mais uma vez, a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima (Nº 02), diretamente de Portugal.

A Comunidade Casa da Paz, que está na rota oficial da peregrinação e responsável por recebê-la no estado da Paraíba, deseja compartilhar esta graça singular com todo o povo de Deus.

Na oportunidade desta visitação, queremos propagar a devoção Mariana e, com ela, as “maravilhas que o Senhor realiza”, unidos à Igreja, como é do agrado da própria Virgem Maria e como nossa fundadora, Edvânia Marinho, sempre o fez.

A acolhida da Imagem será no dia 04/10, na sede da Comunidade Casa da Paz, em Missa presidida pelo Vigário Geral da Arquidiocese, Pe. Luiz Jr., às 16h.

Para atender à quantidade de pessoas que têm procurado a participação presencial, estamos agendando, também, para Santa Missa neste mesmo dia, às 19h30. Completando a quantidade permitida, poderá acompanhar pelos nossos canais digitais (Facebook/ YouTube), atendendo aos protocolos orientados pela OMS que nos advertem neste instante de pandemia.

O dia a dia desta Peregrinação poderá ser acompanhado pelas nossas redes sociais, que estarão exibindo registros de cada visita.

Acesse nosso Instagram!

SOBRE A IMAGEM

DADOS HISTÓRICOS

  • A Imagem Peregrina nº 2, concluída em 1947, trinta anos após as aparições (1917) percorre caminhos mais consensuais.

Enquanto que para a imagem mais antiga o autor tem acesso às informações sobre a aparição de forma indireta, através do Padre Manuel Nunes Formigão, que as havia colhido de Lúcia, para a Imagem Peregrina, Thedim fala diretamente com Lúcia, o que nos permite concluir que esta é a imagem mais próxima dos relatos da vidente.

Não é simplesmente uma imagem de madeira, mas sim uma fotografia mais autêntica e próxima daquela senhora de branco que nos aparece em Fátima para nos trazer esperança.

Ela derruba muros e barreiras, as guerras cessaram para que ela passasse e fizesse seu trabalho de mãe que vai ao encontro de seus filhos.

Podemos afirmar, com certeza, que a imagem peregrina é uma imagem sagrada, que nos reporta a Deus e nos abraça com sua misericórdia.

Fonte: Santuário de Fátima – Portugal