Neste mês queremos fazer memória do natalício de Edvânia Marinho, mãe e fundadora da Comunidade Casa da Paz, uma leiga consagrada que vivia escondida no Cristo e no serviço aos irmãos, sobretudo aos mais necessitados. E quando lembramos de sua vida e seus ensinamentos a saudade invade que até deixa as lágrimas rolarem e sentir o peito apertar.

Somos convidados a encher o nosso coração de gratidão a Deus pela vida doada de Edvânia que respondeu com amor e simplicidade ao chamado de Deus.    

Era uma grande mulher de Deus e que vivia intensamente o “ser como Maria, um sinal de Deus no mundo”, “o carisma em ação”. Sabemos que Deus escolheu Edvânia para ser a portadora do germe, a semente deste carisma, desta vocação, a qual Deus chamou a muitos. Ela foi a matriarca desta vocação e da qual gerou muitos filhos.    

O carisma Casa da Paz é um sonho do coração de Deus que se concretizou pelas mãos de Maria. Deus sonhou com a comunidade do jeito que é: com sua fundadora, cofundadora e com todos aqueles que deixaram tudo por causa do Cristo.

Deus em sua generosidade e bondade concedeu muitas graças especiais a Edvânia, sobretudo o de ser “pastora” que foi enxergar além das montanhas confiando incansavelmente na providência divina. E sabemos que enxergar além das montanhas não é algo simples, mas arriscar tudo para o projeto de Deus.

Edvânia não teve medo de sofrer nessa vida, porque descobriu o segredo de sofrer sem deixar de amar. Foi preciso passar pela dor que lhe fortaleceu e amadureceu. Superou com resignação o sofrimento que faz parte daqueles amam e buscam a Deus. Portanto, ela perder tudo, até mesmo própria vida para ganhar o Cristo.

O seu exemplo de vida sempre será um sinal de Deus no mundo. Muitos poderão encontrar nela um modelo de virtudes para a vida cristã. Destacamos algumas como o amor, fé, humildade, desapego e obediência. Tinha um grande amor a Igreja e viveu para consolá-la. Era também uma grande amante do Sagrado Coração de Jesus e uma consagrada toda da Virgem Maria.

Guardemos em nosso coração a sua memória e a sua herança que é seu tesouro espiritual. Pois, o seu testemunho de vida pode salvar a muitos. Acreditamos que do Céu intercede por este Carisma e por aqueles que por ele são alcançados.

Só o amor pode explicar a saudade que nos devora!

Louvemos e agradeçamos a Deus pelo dom da vida de Edvânia Marinho!

Pe. Marcelo Manoel, sdb.